Nosferatu: Universal Pictures divulga primeiro trailer do filme; assista!

Compartilhar:

Com Bill Skarsgård, Nicholas Hoult e Willem Dafoe no elenco principal, Nosferatu deve estrear em janeiro de 2025

Autor Matheus Rocha
Matheus Rocha

25/06/2024, 13:05

Personagem do remake de Nosferatu olhando fixamente para uma criatura desconhecida e desfocada.Foto: Universal Pictures/Reprodução

Recentemente, a Universal Pictures divulgou um trailer inédito para o filme Nosferatu, remake do clássico dos anos 1920 com Bill Skarsgård, Nicholas Hoult, Lily-Rose Depp, Aaron Taylor-Johnson e Willem Dafoe no elenco principal. A produção é dirigida pelo cineasta Robert Eggers (A Bruxa, O Farol).

Você pode conferir o vídeo na íntegra logo abaixo!

Considerado um dos grandes filmes da história do cinema, dirigido por F.W. Murnau, o longa-metragem tem previsão de estreia para janeiro de 2025, de acordo com o que foi anunciado até o momento pela distribuidora.

Na trama, os espectadores vão acompanhar a história de obsessão entre uma jovem mulher amedrontada e o aterrorizante vampiro apaixonado por ela. Emma Corrin (The Crown), Ralph Ineson (A Primeira Profecia) e Simon McBurney (Carnival Row) completam o elenco.

O filme ainda tem produção de Jeff Robinov e John Graham, com colaboração de Chris Columbus, diretor dos primeiros filmes da franquia Harry Potter. Eleanor Columbus, filha do cineasta, também está envolvida com o projeto desde sua concepção.

Nosferatu: saiba mais sobre o vampiro plagiado de Drácula

Apesar de ter se tornado um ícone da cultura pop com o passar dos anos, Nosferatu nem sempre foi tão celebrado. O personagem, na verdade, é uma adaptação de Drácula, criado pelo escritor Bram Stoker

Contudo, na época de desenvolvimento do filme de 1922, os produtores não conseguiram comprar os direitos autorais do livro com os herdeiros de Stoker, falecido dez anos antes. A solução encontrada por Friedrich Wilhelm Murnau e o roteirista Henrik Galeen foi alterar os nomes dos personagens e algumas situações principais da narrativa.

Apesar disso, Nosferatu enfrentou um longo processo na justiça, que condenou a empresa produtora a destruir todas as cópias do filme. A partir de cópias clandestinas, anos mais tarde, a restauração do filme foi possível e a arte sobreviveu ao longo do tempo.

Em 1979, pelas mãos do cineasta Werner Herzog, uma nova versão de Nosferatu veio a público, contando com o ator Klaus Kinski no papel do Conde Drácula — ou Conde Orlok para os íntimos. 

Pertencente ao movimento expressionista alemão, Nosferatu contou com a performance magistral e assustadora de Max Schreck no papel principal do Conde Orlok. Inclusive, há boatos de que seu nome serviu de inspiração para a DreamWorks na criação do ogro Shrek.

Gostou do conteúdo? Então continue acompanhando tudo o que apresentamos aqui no GeekShip!