Latinos representam apenas 6% dos personagens principais em filmes, diz estudo 

Compartilhar:

Durante pesquisa, foram analisados 1.600 filmes lançados entre 2007 e 2022; no último ano apenas 10 personagens latinos ganharam destaque

Autor Karla Beatryz
Karla Beatryz

16/10/2023, 20:15

Elenco latino em filmes lançados em 2022 - Foto: Reprodução/webElenco latino em filmes lançados em 2022 – Foto: Reprodução/web

Uma pesquisa realizada pela USC Annenberg Inclusion Iniciativa revela que, em 2022, apenas 10 personagens latinos estiveram em papéis principais e coadjuvantes nos 100 filmes de maior bilheteria do ano. O estudo foi realizado para o Mês de Herança Hispânica, nos Estados Unidos, e examinou 1.600 filmes lançados entre 2007 e 2022. Os dados são do Variety. 

Os dados apontam que, nestes 10 papéis, apenas oito foram interpretados por atores latinos e hispânicos. O estudo completo, que será divulgado em novembro deste ano, analisou 1.600 filmes de maior bilheteria lançados entre 2007 e 2022. Neste período, apenas 76 latinos preencheram papéis de destaque nas produções. 

Em um parâmetro geral, a pesquisa mostra que não houve diferença significativa na representatividade latina no cinema norte americano. Em 2022, apenas 6% dos personagens eram latinos e hispânicos. A diferença é de apenas 3% ao número de 2007. 

De acordo com a autora principal do estudo, Ariane Case, os números subestimam o maior grupo étnico dos Estados Unidos, cerca de 19,1% da população – segundo censo dos EUA de 2022. “Os melhores filmes ainda não refletem a história das comunidades hispânicas e latinas nos EUA. Tanto atrás das câmeras quanto na tela, os números refletem o quão pouca oportunidade os artistas hispânicos e latinos têm de compartilhar suas experiências e se verem nas telas”, afirma. 

O levantamento mostra, ainda, outro problema recorrente na indústria do cinema: o machismo. Dos poucos personagens latinos, quase 60% são homens. E o problema não está apenas nas telas. Os pesquisadores também analisaram a participação nos bastidores das produções, mostrando a ausência de diretores e roteiristas latinos, especialmente mulheres. 

Entre os filmes analisados estão “Avatar: O Caminho da Água”, “Top Gun: Marevick”, “Doutor Estranho no Multiverso da Loucura” e “Pantera Negra: Wakanda pra Sempre”. Embora o relatório destaque os filmes lançados em 2022, os resultados indicam que a comunidade latina também sofreu pouca representatividade em 2023, assim como outros grupos marginalizados. 

Leia também: Crítica | “Avatar: O Caminho da Água” é um convite para mergulhar no oceano de Pandora

Uma produção que sofreu dificuldades de divulgação durante a greve dos atores e roteiristas foi “Besouro Azul”, dos estúdios DC. O filme sobre um dos primeiros super-heróis latinos teve a divulgação prejudicada durante a greve, pela baixa publicidade e marketing. Para amenizar o problema,  27 organizações latinas precisaram se unir para promover o filme. 

Elenco "Besouro Azul" - Foto: Divulgação/Warner
Elenco latino em “Besouro Azul” – Foto: Divulgação/Warner

O estudo completo 

Os dados completos do levantamento serão divulgados pela USC Annenberg Inclusion Iniciativa em novembro. Nos 1.600 filmes examinados, foram analisados se os personagens sofreram algum tipo de estereótipo e estigma durante as produções. 

Entre 2007 e 2022, houveram cerca de 69 mil personagens. Este foi o terceiro estudo em análise de representatividade latina da Iniciativa. 


Mais sobre filmes

Ver mais

Cinco filmes sobre boxe

Aproveitando o ‘hype’ dos últimos dias sobre o boxe, decidimos listar alguns filmes de luta para você maratonar.

Continue lendo
Dakota Fanning como Mina em Os Observadores. Foto: Divulgação

Dakota Fanning é destaque no trailer de ‘Os Observadores’

A atriz viverá a personagem principal em Os Observadores, filme inspirado no livro de A.M. Shine

Continue lendo

Crítica/ Ferrari o filme

O filme narra a história de Enzo Ferrari, fundador da Scuderia Ferrari.

Continue lendo
Santa Claus Conquers the Martians (1964)

6 filmes trash que se destacam pela sua ruindade

Filmes trash possuem uma forma peculiar de prender nossos olhos nas telas e esses se superam

Continue lendo
Ryan Golsing é K em Blade Runner 2049. Foto: Divulgação

4 filmes que falam sobre Inteligência Artificial

Essas produções abordam com maestria como o uso da Inteligência Artificial pode moldar a vida humanada

Continue lendo